Casos de COVID-19
  • USA 33,418,826
    USA
    Confirmados: 33,418,826
    Ativos: 6,499,158
    Recuperados: 26,324,757
    Óbitos: 594,911
  • India 21,892,676
    India
    Confirmados: 21,892,676
    Ativos: 3,723,446
    Recuperados: 17,930,960
    Óbitos: 238,270
  • Brazil 15,087,360
    Brazil
    Confirmados: 15,087,360
    Ativos: 1,027,489
    Recuperados: 13,640,478
    Óbitos: 419,393
  • France 5,747,214
    France
    Confirmados: 5,747,214
    Ativos: 823,825
    Recuperados: 4,817,288
    Óbitos: 106,101
  • UK 4,431,043
    UK
    Confirmados: 4,431,043
    Ativos: 61,253
    Recuperados: 4,242,192
    Óbitos: 127,598
  • Italy 4,092,747
    Italy
    Confirmados: 4,092,747
    Ativos: 397,564
    Recuperados: 3,572,713
    Óbitos: 122,470
  • Spain 3,567,408
    Spain
    Confirmados: 3,567,408
    Ativos: 240,606
    Recuperados: 3,248,010
    Óbitos: 78,792
  • Argentina 3,118,134
    Argentina
    Confirmados: 3,118,134
    Ativos: 273,360
    Recuperados: 2,777,902
    Óbitos: 66,872
  • Peru 1,839,465
    Peru
    Confirmados: 1,839,465
    Ativos: 55,281
    Recuperados: 1,720,665
    Óbitos: 63,519
  • Chile 1,235,778
    Chile
    Confirmados: 1,235,778
    Ativos: 38,337
    Recuperados: 1,170,437
    Óbitos: 27,004
  • Paraguay 294,233
    Paraguay
    Confirmados: 294,233
    Ativos: 44,344
    Recuperados: 242,915
    Óbitos: 6,974
  • Uruguay 216,146
    Uruguay
    Confirmados: 216,146
    Ativos: 25,961
    Recuperados: 187,153
    Óbitos: 3,032
  • China 90,746
    China
    Confirmados: 90,746
    Ativos: 300
    Recuperados: 85,810
    Óbitos: 4,636
Notícias

Projeto de desenvolvimento de diagnóstico para Covid-19 é selecionado em edital do Inova Fiocruz

O projeto “Enfrentamento da Covid-19: desenvolvimento de métodos de diagnóstico in vitro de alto desempenho”, do pesquisador da Fiocruz Bahia, Fred Luciano Santos, foi selecionado no Edital Ideias e Produtos Inovadores – Covid-19 – Encomendas Estratégicas, do Programa Inova Fiocruz. O objetivo da proposta é avaliar, validar e desenvolver plataformas de imunoensaio para a detecção qualitativa de anticorpos contra o novo coronavírus em amostras séricas, utilizando antígenos recombinantes comerciais. 

O estudo pretende selecionar os antígenos que apresentem os melhores desempenhos diagnósticos utilizando o teste rápido como plataforma. De acordo com o autor da proposta, a aplicação desta tecnologia poderá ser ampla, rastreando grande quantidade de indivíduos sintomáticos e assintomáticos, o que poderá ser determinante na orientação das medidas de controle epidemiológico adotadas no Brasil. 

Pesquisador da Fiocruz Bahia, Fred Luciano, autor da proposta aprovada no edital do Inova Fiocruz.

“Os antígenos serão avaliados em novas plataformas de nanocelulose, uma inovação na área diagnóstica, por esses materiais serem biocompatíveis e biodegradáveis, diminuindo a geração de resíduos”, conta o pesquisador.

Avaliação de possíveis reações cruzadas serão levadas em consideração, sendo empregadas amostras positivas para dengue, Chikungunya, Zika, doença de Chagas, HIV, HTLV, HCV, HBV, sarampo, rubéola, esquistossomose e sífilis. As amostras utilizadas no estudo serão oriundas de hospitais localizados em Salvador e da Secretaria de Saúde de Vitória da Conquista.

Também fazem parte do grupo que irá desenvolver o projeto os pesquisadores da Fiocruz Bahia, Maria Fernanda Rios Grassi, Carlos Gustavo Régis da Silva e Isadora Siqueira. O estudo será realizado em colaboração com a Universidade de Araraquara (UNIARA) e com a start-up TechMip, ambas localizadas em Araraquara, São Paulo.